Alimentação para diabeticos

O cuidado com a alimentação deve ser regular e mantido por toda a vida. Uma dieta saudável é indicada tanto para pessoas saudáveis quanto para os diabéticos.

A alimentação saudável controla as taxas glicêmicas, evita picos de insulina e ajuda no controle de peso, melhorando a qualidade de vida, pois além de dar energia e disposição, ainda evita diversas doenças associadas ao diabetes. Cuidar do cardápio é item fundamental para qualquer pessoa que receba o diagnóstico de diabetes, independentemente do uso ou não de medicamentos orais ou insulina injetável.

Alimentação para diabéticos

A dieta deve ser personalizada, ou seja, elaborada de acordo com as necessidades de cada paciente e por um profissional especializado. Contudo, algumas recomendações são gerais e servem também para quem não é diabético, já que promovem benefícios para o organismo todo.

Devem ser evitados alimentos como embutidos, álcool e produtos industrializados e priorizados aqueles ricos em antioxidantes, como verduras, legumes e frutas coloridas e variadas, além de proteínas saudáveis.

Os diabéticos devem ficar longe do açúcar

Indicação que também vale para qualquer pessoas é reduzir o consumo de açúcar ou cortá-lo de vez do cardápio. Quanto mais açúcar, mais a glicemia sobe, e rapidamente.

Para quem ainda não é diabético, o excesso do produto colabora para o aumento de peso, um fator de risco para desenvolver a doença. O consumo exagerado ainda aumenta a fome e a taxa de triglicerídeos. Como é um alimento que forma acidez, pode causar doenças, pois quanto mais ácido o meio interno do organismo, mais chances de alguns micro-organismos se proliferarem.

E não é só o açúcar branco, adicionado a bebidas como o café ou utilizado no preparo de pratos doces que deve ser evitado. Muitos processados contêm açúcar escondido, como refrigerantes, biscoitos, sucos e molhos prontos. Assim, é essencial aprender a ler o rótulo de todos os alimentos comprados no mercado.

Além de verificar a quantidade de carboidratos na tabela nutricional ( os açúcares podem ter a quantidade descrita separadamente ou serem incluídos nos carboidratos ), cheque também a lista de ingredientes, que pela regulamentação, devem vir em ordem decrescente – ou seja, o primeiro ingrediente é o que mais está presente no produto. Se é o açúcar um dos primeiros da lista, não é bom sinal!

Na dieta de alimentação para diabéticos, JEJUM, não!

Um dos problemas pelo qual o diabético pode passar é a hipoglicemia. É isso, mesmo! Apesar de o excesso de glicose no sangue ser uma das principais complicações, se o paciente fica muito tempo sem comer ou pratica exercícios sem orientação, o nível pode cair consideravelmente, causando sintomas como calafrios, tremedeiras, cansaço repentino e até desmaios.

Episódios de hipoglicemia também podem acontecer em quem faz uso de insulina ou medicamentos que aumentam a produção de insulina. O tratamento é uma urgência: deve-se medir a glicose imediatamente para confirmar o diagnóstico e, logo após, ingerir um carboidrato de rápida absorção, como açúcar, mel ou suco de laranja.

Para evitar esse tipo de problema, é importante seguir o cardápio elaborado pelo médico, evitando intervalos muito longos entre uma refeição e outra. Pequenos lanches podem ajudar a manter o controle sobre os níveis de glicose.

Dicas de alimentação para diabeticos

Confira algumas opções que podem ser incluídas dentro de uma dieta balanceada:

Canela: por aumentar a sensibilidade à insulina, melhora o aproveitamento da glicose do sangue.
Alho: ótimo tempero para pratos salgados, ajuda no controle da pressão arterial e das taxas de colesterol.
Nozes: essas e outras oleaginosas, como amêndoas e castanha-do-pará, são ricas em ômega 3 e substâncias que agem como vasodilatadoras, melhorando a circulação do sangue.
Chá verde: A catequina EGCG, substância funcional encontrada na bebida, previne a retinopatia e a neuropatia diabética, além disso é rico em polifenois que ajudam a prevenção de tumores.

Tabela de alimentação saudável

 

Artigos relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook